Noticías

Leia mais - 31/10/2017

Prezados colegas,


O que se esperar de um país onde nem o seu dirigente máximo cumpre suas Leis? Tendo em vista a situação causada pela edição da Medida Provisória 805, de 30 de outubro de 2017, publicada em DOU edição extra, informamos que o sistema sindical PRF já esta trabalhando na definição de estratégias de como revertê-la. 
Como já anunciado ontem pela FenaPRF é interessante observar que o Governo respeitou a noventena, de modo que teremos até fevereiro do ano que vem com a alíquota dos 11% da Contribuição Previdenciária. Nossos departamentos jurídicos, via Federação irão ingressar com as ações com celeridade, mas também com tranquilidade, segurança e com argumentos corretos. De nada adianta propormos algo inadequado às pressas, para atender ao clamor de nossos representados, porém temos pressa sim, assim como os senhores.
Em relação à postergação do aumento a situação é parecida, mas com um mês a menos e já começaremos de imediato o trabalho parlamentar e dentro dos próximos dias ações de mobilização serão traçadas. Mais do que nunca o apoio do efetivo é indispensável. Independente de acreditarmos ou não na eficácia deste tipo de ações nossas alternativas não são muitas, temos que nos valer de todas. Antes que sejam trazidas à tona, a interferência do sindicato nas ações e rotinas de trabalho estão impedidas via STF, porém em nada teremos a ver se a desmotivação pessoal afetar esta rotina. Cada sociedade e Governo colhem o que defendem e plantam.
Este governo não pode acreditar que domina o país sem, no mínimo a classe trabalhadora esboçar a sua reação de contrariedade. Não somos os culpados pelo déficit. A corrupção e a implementação desta política macroeconômica recessiva que é. Não contem com a opinião pública favorável aos servidores públicos e muito menos com a grande imprensa, que está a serviço dos grandes grupos econômicos e dominantes, preocupados em manter sua parcela de lucro econômico cada vez maior com o sacrifício daqueles que servem com responsabilidade nosso País.
Nós do SINPRF/RS buscaremos alinhamento de ações em conjunto com a FenaPRF e servidores de outras categorias, mas com toda certeza, mantendo nossa independência. Os convocaremos para uma AGE em breve e atos em conjuntos, seja em Porto Alegre, nas nossas cidades do interior e imprescindivelmente, na minha opinião, em Brasília. A pressão eleitoral sobre os deputados e senadores, pessoalmente e via redes sociais deve começar desde já, realizada por todos, para buscarmos juntos o que não estiver ao alcance de nossas forças. Não esperem que os sindicatos solicitem este tipo de ação, elas são de grande valia na “sensibilização” de nossos parlamentares e devem começar de imediato, com mensagens, posts e comentários em todas as redes possíveis, sempre firmes, mas com a devida educação.

Maicon Nachtigall
Presidente do SINPRF/RS

N° de acessos: 1494

Sindicato dos Policiais Rodoviários Federais no Estado do Rio Grande do Sul

Rua Barros Cassal, 33/7° andar - Bairro Floresta - Porto Alegre/RS

CEP: 90035-030 - Fone/Fax: (51) 3226-4044

E-mail: sinprfrs@sinprfrs.org.br

SINPRF/RS © 2018